Quinta-feira, 28 de abril de 2016 às 10:17 em Educação
XVII Feira do Livro de Getúlio Vargas tem intensa programação neste final de semana

Encerramento será marcado com o Dia da Cidadania

 

Será realizada, na noite desta quinta-feira, 28, a abertura oficial da XVII Feira do Livro de Getúlio Vargas, com a presença de autoridades, convidados e comunidade. A solenidade será realizada no Salão de Atos da Prefeitura de Getúlio Vargas e será marcada por cinco momentos distintos: Apresentação da Patronesse da Feira, Sônia Lang Piazzeta; Apresentação dos novos Mascotes da Feira; Lançamento das Histórias em Quadrinho do I Concurso de Quadrinhos Leiturildo e Leiturilda em: História e os Patrimônios da cidade de Getúlio Vargas-RS, dedicado ao tema “História e Patrimônio”; Diálogo e lançamento de livros por escritores locais; Apresentação do Coral Municipal Canção e Vida; além de pronunciamento das autoridades. A Feira do Livro é uma realização da Prefeitura de Getúlio Vargas e conta com o patrocínio do Banrisul.

O evento, que se estende até este sábado, dia 30 de abril, traz em sua programação muita leitura, comercialização literária, estandes, atrações culturais, diálogo com escritores locais, entre diversas outras atividades. Parte da programação da Feira é realizada junto às dependências do Centro Municipal da Cultura, em Getúlio Vargas, mas estende-se para outros locais, de modo a concretizar o seu slogan e tema desta edição: "Literatura: no livro, na cidade, por todos os "cantos", o encanto da leitura".

A XVII Feira do Livro inicia na manhã deste dia 28 de abril, em dois locais distintos, a Sala do Sebrae e o Centro Municipal de Cultura, em diferentes horários, com as seguintes atividades que integram a programação oficial: Oficina História, memória e cidade: O município de Getúlio Vargas (1908-2016), que tem como mediador David Anderson Zanoni; Contação de Histórias, com a contadora Gláucia Poczyzts; Oficina de ampliação de livros para contação de histórias, direcionada para professores, acadêmicos e contadoras de histórias, com Isabel Levinski; e Leitura de Imagens, com a temática: A sociedade do espetáculo e a imagem de si: a propaganda é alma do negócio?, que conta com a mediadora Mariele Zawierucka Bressan.

 

PATRONESSE

A Patronesse da XVII Feira do Livro é Sônia Lang Piazetta, filha de Martin Lang e Filomena Lang, nascida em 9 de dezembro de 1944, em Getúlio Vargas.  Fez o Ensino Fundamental na Escola Santa Clara, o Magistério no Colégio São José, de Erechim, e a Faculdade de Pedagogia na Universidade de Passo Fundo. Casada com Ivan Carlos Nunes Piazzeta, tem dois filhos: Juliane e Giancarlo. Tem três netos: Giordana, Giovani e Gabriel. Trabalhou nas Escolas Estadual Manoel da Nóbrega, Santa Clara e Estadual Antônio Scussel, onde além de professora foi vice-diretora. Depois de aposentada, trabalhou na APAE, Lar da Menina, Pastoral da Criança e no Centro Catequético da Paróquia Imaculada Conceição. Hoje goza sua aposentadoria fazendo o que mais gosta: conviver com a família, ler e compartilhar a vida com os amigos. Atualmente faz parte de um grupo chamado “Clube do Livro”. Seu pensamento preferido é “A ideia é que todo mundo faz o melhor que é capaz de fazer, a partir do seu nível de consciência”.

 

MASCOTES

Os Mascotes da Feira do Livro 2016, o Leiturildo e Leiturilda, Luiz Loiran Onofre Júnior e Julia Aliprandini Kuiawinski, para chegarem a este cargo, participaram de um Concurso, com crianças inscritas de diversas escolas, e foram avaliados por uma Comissão Julgadora, que definiu os vencedores.

Durante a semana passada e nesta, que antecedeu o evento, o Leiturildo e a Leiturilda distribuíram folders com a programação da Feira na cidade e no ônibus que faz a linha Getúlio Vargas/Estação divulgando o evento. No último dia 20, o Leiturildo e a Leiturilda entregaram folders da programação da Feira na Prefeitura. O primeiro a receber foi o vice-prefeito Maurício Soligo.

 

CONCURSO DE QUADRINHOS

As questões relacionadas à História e ao Patrimônio citadino tem tido amplo espaço de debate e divulgação nos últimos anos, todavia, ainda muito é necessário em termos de pesquisa, debate e atitudes valorativas da história, memória, educação patrimonial e políticas públicas de preservação concernentes ao rico e diversificado patrimônio material e imaterial da cidade de Getúlio Vargas.

Foi pensando nos bens coletivos locais, que o Setor Pedagógico, vinculado à Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto, promoveu o I Concurso de Quadrinhos Leiturildo e Leiturilda em: História e os Patrimônios da cidade de Getúlio Vargas-RS, dedicado ao tema “História e Patrimônio”. Levando em consideração que os mascotes da Feira do Livro, Leiturildo e Leiturilda, que são considerados patrimônios culturais de nossa cidade, sendo referência na divulgação da Feira do Livro, o objetivo desse concurso foi, sobretudo, instigar estudantes de todos os níveis das escolas de Getúlio Vargas, além da comunidade em geral, para a importância das memórias e da história local, bem como para os acervos que fazem possível seu estudo e divulgação, em especial os relacionados à história da cidade, tendo como fontes disponíveis: mapas, documentos, fotografias, manuscritos públicos e privados e que versam sobre a história da cidade e região.

A partir de um regulamento e do incentivo de professores das escolas da rede municipal e estadual de ensino, estudantes desfiaram-se à prática da autoria, com a apresentação de histórias em quadrinhos que não apenas contemplaram o tema proposto, mas que demonstraram todo o empenho e criatividade de cada um na escrita e no desenho.

O Concurso contou com 17 inscritos nas três categorias do regulamento: Ensino Fundamental Séries Iniciais e Finais e Ensino Médio. Seis trabalhos foram selecionados, por uma Comissão Julgadora integrada por pessoas da área pedagógica e do Instituto Histórico e Geográfico de Getúlio Vargas, para integrar uma publicação. Este documento foi entregue aos selecionados e cada escola municipal receberá dois exemplares. Todos os participantes receberam certificado de participação.

São estes os trabalhos selecionados: 

- “Leiturildo e Leiturilda” – Alana Rodrigues, EMEF 15 de Novembro, Prof. Monica Beldelli Pomorski

- “Leiturildo e Leiturilda em: um dia na Praça” – Bárbara Cardoso, EMEF 15 de Novembro, Prof. Monica Beldelli PomorskI

- “Os livros perdidos” – Deyvid Braian Pereira e Vinícius Garcias da Silva, EEEF Érico Veríssimo

- “Os trinta anos da Escola Cônego” – Kamili Vitória Pacheco, EMEF Cônego Stanislau Olejnik, Prof. Adriane S. Dos Santos e Prof. Monica Beldelli Pomorski

- “Visitando Getúlio Vargas” – Kétlyn Ângela Ostroski, EMEF Pedro Herrerias, Prof. Silvana Soares

- “Conhecendo minha cidade” – Vicenzo Gostininski, EMEF Pedro Herrerias, Prof. Silvana Soares

 

Rock e Literatura: Uma relação de não se acabar

O Rock Café Literário está, em 2016, em sua 6ª edição. O evento teve início em 2011, junto à programação da Feira do Livro e tem como objetivo promover uma das manifestações artísticas e culturais: a música. Além disso, busca-se, através da homenagem a um determinado cantor, banda ou grupo musical, proporcionar um momento de análise filosófica, histórica e literária, de modo a estabelecer relações entre estas áreas do conhecimento. Ademais, busca-se incentivar bandas locais, as quais são convidadas para interpretar as músicas selecionadas.

Em 2011, o cantor homenageado foi Renato Russo e o público presente pode prestigiar a interpretação feita pela Banda Arsenal 61. Em 2012, homenageou-se a banda Engenheiros do Hawaii e quem fez a interpretação foi o músico Lineker Perret. Em 2013, Raul Seixas foi o homenageado. As letras foram analisadas pelos professores Daniel Oliveira e Mariele Bressan. 

Em 2014, elegeu-se como tema "O rock e a filosofia trágica: Nietzsche em pauta". A banda Melissa Rocker interpretou várias músicas e os professores Mariele Bressan e Daniel de Oliveira conduziram o debate. 

Em 2015, contamos com a presença de Duda Calvin, vocalista da Banda de rock gaúcho Tequila Baby. O mesmo explanou sobre a importância da cultura musical e o modo como esta é produzida atualmente no Brasil. A banda Melissa Rocker interpretou diversas músicas, dentre as quais, algumas da banda Tequila Baby, em parceria com o próprio vocalista Duda Calvin.

Em 2016, o tema será "Rock gaúcho e nacional: história e autoria". A Banda Movimento fará a interpretação de diversas músicas de bandas gaúchas e nacionais e os professores David Zanini e Mariele Bressan serão os responsáveis pelo debate.

 

PROGRAMAÇÃO

 

29/04/16 – Sexta-feira

• Espetáculo Teatral: Médico à força - Direção Adriano Massaro - Cia Aldeia Teatral (Erechim)

Público Alvo: Ed. Infantil ao 5º ano do Ens. Fundamental

Local: Praça Gal. Flores da Cunha

Horários: 9h30min e 14h

 

• Sessão de Cinema (apresentação de produções realizadas por alunos do município)

Público Alvo: Ensino Fundamental e Ensino Médio

Local: Centro Municipal da Cultura

Horário: A partir das 9h e 14h30min

 

• Exposição de objetos antigos do IHGGV

Local: Centro Municipal da Cultura

Horários: A partir das 8h30min e 13h30min

 

• Dia L: Parada para Leitura na Cidade

Público-alvo: toda a comunidade

 

• VI Rock Café Literário

Temática: Rock Gaúcho e Nacional: História e Autoria

Show com a Banda Movimento

Público Alvo: aberto à comunidade

Mediadores: Mariele Zawierucka Bressan e David Anderson Zanoni

Local: Salão de Atos

Horário: 20h

 

30/04/16 - Sábado

• Dia da Cidadania: “Viva Melhor” - TV Novo Tempo e Secretarias Municipais de Saúde e Assistência Social e Meio Ambiente (Verificação de pressão, Massoterapia, Consulta com Psicólogo, Dicas de Boa Alimentação, Exercícios Físicos e Verificação da Idade Biológica)

Mateada

Feira de artesanato - AGEART

Arrecadação de livros do Projeto “Nas ondas da leitura”

Cadastro da Nota Fiscal Gaúcha – Programa de Educação Fiscal (Presença da Teca). Obs.: para o cadastro da NFG é necessário levar os seguintes documentos: Carteira de Identidade e Carteira de Habilitação.

Público Alvo: aberto à comunidade

Local: Largo Plácido Scussel (calçadão)

 

Horário: 15h às 18h

 

 

 

COMENTÁRIOS